Inbound Marketing

Funil de conteúdo: entenda como trabalhar cada etapa!

Neste conteúdo, vamos te mostrar como o funil de conteúdo pode ajudar a construir uma estratégia mais eficiente para sua marca!

Funil de conteúdo

Atrair a atenção das pessoas na internet e transformá-las em potenciais consumidores pode ser desafiador. 

Para isso, existem diversas estratégias de marketing digital para auxiliar nessa missão, uma delas é o funil de conteúdo. Saber utilizar esse instrumento pode impactar positivamente nos seus resultados de vendas.

Quer descobrir como funciona essa estratégia, sua importância na captação de novos clientes e no fortalecimento da autoridade da sua marca frente à concorrência? 

É só seguir com a leitura deste texto que preparamos especialmente para você! 

Aproveite!

O que é o funil de conteúdo?Funil de conteúdo entenda cada etapa

O funil de conteúdo é uma ferramenta do marketing digital criada para auxiliar na condução do lead pela sua jornada de compra, a partir da entrega de informações relevantes e valiosas. 

Seu principal objetivo é atrair, converter e fidelizar um cliente, convencendo-o de que você oferece a melhor solução para o seu problema.

O funil é dividido em três etapas: topo, meio e fundo. Para cada uma delas, existem contextos adequados para a entrega de conteúdos valiosos. 

Antes de você entender a fundo sobre como utilizar essa estratégia, vale a pena relembrar como funciona a jornada do comprador, a base para criação do funil de conteúdo.

Entendendo a jornada de compra

De maneira bem resumida, a jornada do comprador é o processo pelo qual o lead passa desde reconhecer um problema até decidir que sua marca é a solução para isso. Ela possui quatro fases:

Aprendizado e Descoberta: a pessoa não sabe exatamente que tem um problema que sua empresa pode resolver.

Reconhecimento do problema: aqui, ele sabe que tem um problema e busca por soluções.

Consideração da Solução: na fase de consideração, ele já reconhece o seu serviço/produto como uma solução e busca entender mais sobre ele para tomar uma decisão de virar consumidor.

Decisão de Compra: na etapa final ele já decidiu ser seu cliente e espera por um incentivo para realizar a compra.

Agora que você entendeu sobre a jornada de compra, ficará muito mais fácil entender como cada conteúdo deve ser pensado dentro do funil. 

Vamos lá?

Conteúdos para cada etapa do funil

Como dito anteriormente, o funil de conteúdo tem a jornada de compra como base para sua criação. Dessa forma, as etapas de aprendizado e descoberta, e reconhecimento do problema estão no topo do funil. A consideração da solução é o meio e a decisão de compra, o fundo.

Confira agora como criar conteúdos relevantes para cada etapa:

– Topo de funil (ToFu)Conteúdo Topo de Funil

O topo de funil (ToFu), é a entrada do público “frio” no seu negócio.

Ou seja, os usuários que nunca ouviram falar da sua marca, aqueles que conhecem muito pouco a respeito e que não estão prontos para comprar o que o seu negócio oferece.

O principal objetivo do topo de funil é atrair a maior quantidade possível de usuários e gerar bastante conhecimento de marca. 

Como conteúdo de atração, procure responder às principais dúvidas e dores do público-alvo, que façam ele entender que tem um problema que precisa de uma solução.

Exemplo de conteúdo topo do funil

Imagine que você é uma empresa que vende suplementos para aumento de performance durante atividades físicas.

Para o seu topo de funil, você precisará criar conteúdos que levem o lead a entender que ele tem um problema de pouco rendimento físico e que suplementos podem ser uma ótima opção.

Para isso, poderá utilizar de blogposts, post em mídias sociais, vídeos e e-books.

– Meio de funil (MoFu)Conteúdo Meio de Funil

No Topo do Funil, o lead não sabia que tinha um problema. Porém, com os seus conteúdos de topo, ele entende que precisa de uma solução e passa a buscar mais sobre ela.

Ou seja, no Meio de Funil, o público já está familiarizado com a sua marca e está começando a entender quais necessidades os seus serviços ou produtos atendem.

No entanto, como ainda não está 100% pronto para comprar, é necessário aquecê-lo um pouco mais através do conteúdo de meio de funil – conteúdo que complementam o seu entendimento sobre o problema rumo a uma solução.

Exemplo de conteúdo meio de funil

Continuando o exemplo anterior, o lead entendeu que um suplemento pode ser uma solução para aumentar o seu rendimento físico.

Agora, no meio de funil, ele irá buscar entender tudo sobre suplementação.

Os conteúdos nessa etapa são mais aprofundados e devem ajudar o lead a escolher a sua marca como a possível solução para a sua necessidade.

Aqui, novamente, blogposts, e-book e post em mídias sociais são bem-vindos. Porém devem ser mais aprofundados e passar autoridade de marca. Por exemplo:

  • Por que os nutrientes do seu suplemento são os melhores?
  • Como o seu suplemento vai ajudar alguém que faz academia? E alguém que pratica natação?

Além disso, nutrir o leads com uma fluxo de e-mail marketing, é uma ótima escolha para engajá-los e garantir que passem para a próxima etapa!

– Fundo de funil (BoFu)

Conteúdo Fundo de Funil

A última etapa do funil de conteúdo é o fundo de funil (BoFu). Esta etapa é formada pelo público “quente”, que já está decidido a comprar e precisa de um empurrãozinho para acontecer.

O lead no fundo de funil já sanou (quase) todas as dúvidas acerca da sua marca, também já entende as necessidades que seus produtos resolvem e atendem. Nessa fase, é preciso encantar e incentivar ele para tomar uma ação de compra.

Exemplo de conteúdo fundo de funil

O Lead aqui sabe que seu suplemento é o que ele deseja e precisa ser incentivado para finalmente comprá-lo. 

Para isso, no fundo de funil é ideal usar cases de sucesso, depoimentos de usuários e reviews de produtos.

Esse, inclusive, é aquele momento para apostar em vídeos impactantes e que conquistem o cliente.

Principais benefícios de utilizar o Funil de conteúdo

 Elaborar e implementar uma estratégia com base em um funil de conteúdo que traga resultados palpáveis requer empenho e dedicação, isso é fato. 

Porém, existem inúmeros benefícios de investir nessa estratégia:

  • A publicação de conteúdos ajuda a aumentar o tráfego orgânico do seu site;
  • Torna o processo de vendas mais robusto, aumentando a possibilidade de fechar negócios com os clientes;
  • Melhora as taxas de conversão e engajamento do público, fazendo com que o lead passe por todas as fases do funil de maneira mais eficiente. 
  • Com a maior interação com seus clientes, você terá mais clareza para criar novos produtos e serviços e explorar demandas ainda dormentes; 
  • Aumenta a notoriedade e autoridade da sua marca no mercado.

E isso são apenas alguns exemplos do quão positivo pode ser para sua marca realizar uma estratégia de marketing alicerçada na ideia do funil de conteúdo!

5 dicas para ter uma estratégia de conteúdo eficiente

Neste momento, você deve estar pensando em querer dar start em uma estratégia de conteúdo para o seu negócio. Para que tudo dê certo, separamos algumas dicas:

1 – Foco no cliente é o mais importante 

Você precisa ter claro quem é a persona do seu negócio (ou personas) e qual o principal problema que ela enfrenta, para conseguir criar conteúdos relevantes e que entreguem valor.

2 – Tenha uma jornada de compra bem definida

No final das contas, o que você deseja é conquistar mais clientes. Para isso é preciso ter uma jornada de compra bem definida, com ela você vai entender melhor como contextualizar os conteúdos de acordo com cada etapa e maximizar a entrega de valor.

3 – Invista em SEO

Não adianta criar conteúdos se ninguém busca por eles! Com técnicas de SEO você consegue selecionar as melhores palavras-chaves para guiar os conteúdos, de acordo com o volume e intenção de busca.

4 – A sua marca deve ser consistente

Para tornar o seu conteúdo ainda mais relevante, ter um tom e voz de marca bem definidos ajuda a criar maior conexão com os leads, que irão te reconhecer independentemente do ponto pelo qual ele entrar em contato. Isso gera confiança e passa credibilidade.

5 – Faça e siga um planejamento!

Sem planejamento nenhuma estratégia funciona e com o funil de conteúdo não é diferente. Por isso, estabeleça objetivos, defina as principais métricas e siga um calendário de atividades. Assim, seus resultados serão grandiosos.

Conclusão

Agora, quando estiver navegando pela internet, observe como as marcas que você consome utilizam esse instrumento em seus blogs e redes sociais.

Certamente você irá perceber como conteúdos de qualidade ajudam a construir um relacionamento com consumidores, conquistando sua confiança e direcionando-os até a decisão de compra. 

Então, que tal começar a implementar agora um funil de conteúdo para o seu negócio?

Aqui na BYB (Boost Your Business) somos especialistas em Inbound Marketing e estamos prontos para te ajudar a dar um boost nos resultados do seu negócio com uma estratégia de conteúdo!

Mauricio Belchior

Texto de Mauricio Belchior
6 de agosto de 2021

Estamos aqui para ajudar

Precisando de uma solução? Bata um papo com a BYB!

Entre em contato com a gente e entenda como nosso modelo de trabalho pode impulsionar a sua empresa.

Erro 404

Obrigado pela mensagem Em breve nossa equipe entrará em contato.